Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Bem-vindo ao mundo da solidariedade

Paradoxo à parte, sabemos o quanto é tenebroso o mundo da solidariedade. Afinal, quem realmente estará disposto a ajudar o próximo sem fazer do trabalho altruísta um meio de vida, enganando pessoas de boa vontade.

Nunca encontramos esse caminho por mero acaso. O meu tem todo um passado igual a de muitos brasileiros: pobreza e castração na infância, estudos precários, o primeiro emprego à custa de muita boa vontade.. E por aí vai!  Não farei desse quadro um meio para persuadir nem convencer ninguém à esta causa. Todos temos problemas, todos temos vontade de ajudar... Muitas vezes falta apenas o meio.

Um dia, às vezes por acaso, você realmente toma consciência do lado mesquinho do nosso dia-a-dia: a desigualdade social. Ai você me retalha momentaneamente: "Mas miséria existe em todo canto! Os governantes estão ai para resolver..." Sim, Claro. Que eles continuem a fazer sua parte – muitas vezes, não tão dignas: corrupção, ganância de poder, e outros males que adornam o corpo, mas não dignifica a alma. Morrerei defendendo seu direito de pensar...!

Sabemos que sempre teremos que distinguir a boa vontade da esperteza dos aproveitadores de plantão. Em meio a esse paralelo de opções, podemos criar o nosso “quintal” de altruísmo; muitas vezes custa pouco... Um simples ato de sorrir, uma mão estendida, um Feliz Natal para uma criança carente...

O meu canto está aqui. Vila Maria Luiza: um celeiro de descasos sociais. Uma pequena vila –com cerca de cem famílias – encravada dentro de um antigo cemitério abandonado por uma construtora local; um loteamento invadido por cerca de cem famílias. Casas de taipas; ruas esburacadas com lama no inverno, poeira no verão; alcoolismo, prostituição; mortes entre os mortos... Um lugar miserável em o estado mais miserável do nosso país.

Apelo nunca faltou às autoridades competentes (veja link de matéria na mídia local abaixo). Mas nem todo ano é ano de eleição; nesse período eles andam por lá: discursam, prometem... Fazem sua festa particular. Depois, somem. É assim em todo lugar miserável!

Ainda acredito em um mundo melhor através da boa vontade do homem – longe dos holofotes -, pode até demorar, mas estamos no caminho certo!

Seja bem vindo!

http://www.180graus.com/opiniao/artigo.asp?id=63
http://www.180graus.com/opiniao/artigo.asp?id=78
http://www.orkut.com/Profile.aspx?uid=17972582042782872709
http://www.orkut.com/Profile.aspx?uid=3904942104844897086

P.S. Caso queira cooperar com a nossa causa, veja como: http://obras.literarias.uespi.zip.net
Kal Angelus
Enviado por Kal Angelus em 07/11/2007
Reeditado em 07/11/2007
Código do texto: T727160
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Kal Angelus
Teresina - Piauí - Brasil
341 textos (9443 leituras)
1 e-livros (5 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 06:56)
Kal Angelus