Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Uma pedra no caminho.

"Primeiro, se colocarem pedras no seu caminho, faça o possível para não tropeçar nela, e tropeçando ou não tire ela do caminho do seu próximo".
Por que em uma estrada estreita alguém passou e jogou uma enorme pedra, logo depois passou um andarilho e tropeçou nela rasgando seu velho sapato e machucando o seu dedão, falou mal alguns palavrões e pensou “se eu tropecei outro também vai tropeçar, essa pedra eu não vou tirar, andou uns 100 metros e viu um ciclista batendo nela e caindo se ferindo muito, mas nada grave,o ciclista se irritou com o andarilho pensando que ele havia colocado a pedra lá para ele tropeçar e foi tirar satisfação com ele deixando a pedra no mesmo local onde havia caído.
O andarilho falou que havia tropeçado na mesma pedra, vendo o andarilho com o pé machucado ele o interrogou:
_Por que você não retirou a pedra do caminho?
O andarilho respondeu:
_Na hora fiquei muito nervoso e desejei que outro também tropeçasse naquela pedra sem pensar nas conseqüências, afinal você não tem culpa se colocaram uma pedra no meu caminho, me desculpe.
_É verdade também pensei o mesmo e deixei a pedra lá para os outros também caírem onde eu caí e estou errado, vou tirar a pedra de lá.
Mas não deu tempo, nem de virarem, vinha em alta velocidade  um carro importado e por sorte o motorista viu a pedra a tempo e desviou dela, parou o carro e voltou em marcha ré, descendo jogou a pedra para ribanceira abaixo.
Indignados o ciclista e o andarilho interrrogaram:
Por que o senhor voltou para jogar a pedra?
E ele respondeu assim:
Eu poderia ter sofrido um acidente e talvez até ter perdido minha vida, não quero desejar o mesmo ao meu próximo e mesmo que eu tivesse me ferido, essa pedra do caminho eu teria tirado.
O ciclista e o andarilho cruzaram olhares de chateações e saíram cabisbaixos, mas aprenderam muito com essa lição.
 “Na estrada da vida encontraremos muitas pedras, algumas os outros põe, outras nos mesmos ponhamos, mas tirando uma pedra do caminho do próximo encontraremos uma montanha de felicidades”!
Um forte abraço aos meus queridos leitores!

Luiz Antonio Ramos.
LUIZÃO
Enviado por LUIZÃO em 01/09/2007
Reeditado em 01/09/2007
Código do texto: T633923
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
LUIZÃO
Pirassununga - São Paulo - Brasil, 51 anos
274 textos (57243 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 07:47)
LUIZÃO