Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Disque Inferno

O telefone toca.
Ouço a chamada distante tocar.
Sinto o timbre,
Imagino o som que vc esta ouvindo.
Segundo toque.
Coloco nele a esperança
De ouvir de novo tua voz
E sentir o teu carinho
Me embalando o sono,
Me trazendo alento,
Me motivando a ir mais além.
Terceiro toque.
Noto minhas mãos frias e suadas,
Meus dedos trêmulos agarram o fone com mais força.
Uma pontada de febre me invade,
Onde será que esta?
Te imagino no chuveiro, molhado,
Rapidamente se enrolando na toalha
Para vir atender ao telefone.
Quarto toque.
Começo a desconfiar que não estejas em casa,
Que estejas sorrindo pra outra pessoa,
Recebendo outros beijos.
Não!
Melhor pensar que foi assassinada.
Imaginar teu corpo frio,
No ladrilho da cozinha,
Me dá menos medo do que imaginar teu sorriso
E teus beijos em outra boca que não a minha.
Quinto toque.
Desespero total.
Meu coração dispara,
Minhas veias dilatam,
Começo a ficar cego,
Sem saber o que pensar,
Sem sequer saber o que é pensar.
Minha cabeça lateja
E o desejo de invadir o fone
Me transportar para o outro lado do fio é urgente em mim.
O que fazer?
Polícia, necrotério, pileque, suicídio?
Sexto toque.
A campainha começa a tocar e é interrompida de repente.
Uma voz sonolenta atende.
A tua voz.
Límpida, sonora, delicada, tão amada.
Uma simples palavra de três letras que me tira da crucificação imposta pela tua distancia.
Respondo também - alô
E todas as dúvidas do mundo se dissipam,
Toda tempestade se abre num glorioso céu de brigadeiro,
Por trás das nuvens vejo teu sorriso renascer,
Como o sol que desponta no horizonte.
O sorriso que é só um,
Que continuará a ser só meu
Por toda a eternidade,
Ou até ouvir a palavra adeus

Claudia Nunes da Silva
Enviado por Claudia Nunes da Silva em 18/08/2006
Reeditado em 26/09/2006
Código do texto: T219627

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Claudia Nunes Ribeiro - www.recantodasletras.com.br/autores/claudianunes). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Claudia Nunes da Silva
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 48 anos
393 textos (131775 leituras)
9 áudios (5329 audições)
6 e-livros (3813 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 17:29)
Claudia Nunes da Silva