Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"Oração de Amor"

Evaldo da Veiga


Peço-te Deus, que não esqueçamos do quanto é bom
caminharmos juntos. Se eu sucumbir, entristeço você.
Mas nesta Oração em feitio de bate-papo, já que 
falei de nós dois, quero falar dela também. 
Meu mundo e o dela, o mundo de nós dois: você como testemunha, observador, julgador e, acima de tudo, provedor.
Queira você, meu amado Deus, perdoar nossas falhas,
 desistências e, às vezes, a fuga empreendida de nós mesmo.
Mas fugindo do alongamento em respeito ao seu tempo, 
em tantas vezes perdido em falsas juras e lamentos, exponho
 com brevidade e solicito providências: ela é minha vida e o meu sonho, minha alegria... Sei que eu e ela não vamos fugir, 
não vamos sair da existência do outro. 
Mas sei também que nem tudo depende de nós, a vida manda muito mais; essa vida atende outros pedidos em usando o livre arbítrio concedido por você.
Sei ainda, que nem sempre essa vida, que no fundo,
 é comandada por todos, é mansa e suave, pacífica com a gente. Até inexistindo má intenção, podem tirá-la de mim. Mas até que separem nossos corpos, mas que jamais separem nossas almas, onde está nossa verdadeira vida. E por derradeiro, meu Deus,
que jamais nos esqueçamos um do outro: eu dela,
 eu de você e você da gente.
Peço deferimento, só isso!
Até...

evaldodaveiga@yahoo.com.br

Evaldo da Veiga
Enviado por Evaldo da Veiga em 15/10/2006
Reeditado em 05/11/2006
Código do texto: T264769

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Evaldo da Veiga
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil, 73 anos
952 textos (313617 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 13:53)
Evaldo da Veiga