Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
                                        DE PAI PARA PAI


Pai eu te peço perdão por tantas vezes não ter te ouvido, por não ter sido o filho que tanto sonhaste, por não ter seguido o caminho que para mim idealizaste e por não ter te devolvido o carinho que a mim sempre ofereceste.

Peço-te perdão por tudo que fui de ruim, porque o que fui de bom no tempo se perdeu, mas a tua paciência, dedicação e aconchego permanecem na profundeza de minha alma.

Lembras dos presentes de Natal, do milho verde nas festas juninas e do chocolate que na Páscoa a gente comia? do cálice de vinho e do quentão   que nessas ocasiões a gente bebia?

Pois é, o tempo passou e aqui estamos para comemorar o teu e o meu dia, porque agora também sou pai e nesse dia trago teus netos, filhos meus, para te abraçar e te beijar retribuindo todo o carinho que na vida sempre tu me deste.

Perdoa-me por não ter encontrado palavras certas para te dizer o quanto te quero e se a ti só falo  do passado é porque tudo que para mim foste e para mim representas está ardendo em meu peito como a força do amor.
R J Cardoso
Enviado por R J Cardoso em 07/08/2005
Reeditado em 14/08/2005
Código do texto: T41124
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
R J Cardoso
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
3128 textos (79555 leituras)
2 e-livros (393 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 20:46)
R J Cardoso