Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

E POR ACASO...

Acaso? sera que existe isso...
divagacoes de minha existencia
perguntas sem resposta
encontros e desencontros

penso as veses nao ser eu mesmo
acho que sou um alucinacao de mim mesmo
nunca consigo me definir
quando penso que estou indo

ja fui, se penso que estou voltando
to e indo... e o que pior
nunca sei pra onde
e muito menos porque

nas varias e varias batalhas desta
minha vida sem eira nem beira
muitas travadas no fundo do abismo
que me meti

pergunto-me porque estou nesta
porque nao chutei o balde e
muito menos o pau da barraca
dai lembro que ja fiz isso

momentos variados, de uma paz aparente
de uma felicidade que pensei estar vivendo
sei nao, mas acho que sou mesmo e um
ser que veio pra ser solitario

muitos ja me disseram que o meu fim
seria sozinho... acho que este o comeco
do fim, sei que nao nasci pra ser sozinho
nao quero eu me nego a ficar sozinho

mas sinto-me num emaranhado numa
rede quem sabe numa teia
em que me encontro grudado
as vezes consigo me soltar

solto os bracos comeco a me mover
prendem-me as pernas
solto as pernas comeco a caminhar
e vem algo(guem) e me prende

os bracos pra nao ter forcas pra escapar
eita! as vezes me pego a pensar que
meu buraco nao tem fundo
ou entao que estou num poco de areia movedica

quanto mais esperneio mais me afundo
penso em dar um basta
socorro ja pedi
por Deus ja chamei

mas minha propria existencia
contraria todas as teorias que Deus
tem de mim
mesmo assim neste ultimo dia de finados

esperava me lembrar de muitos entes
queridos me lembrei de varios
mas um em especial que a muito nao
pensava nele (tio Antonio Candinho)

me fez refletir um pouco mais
ate consegui fazer umas poucas oracoes
mas as fiz com respeito

nao sei mais nada a meu respeito
sei que estou caindo cada vez mais
preciso parar, preciso conseguir
vencer nem que seja uma unica batalha

tenho ainda algumas coisas
que nao quero perder
algumas pessoas das quais nao quero me afastar
se nao perto pelo menos no pensamento vao ficar

procuro uma saida mas nao acho
hoje minha valvula de escape
encontra-se tampada
entao e momento de ficar quieto

e que a vontade de DEUS seja feita...

Edilson Oliveira




Minerin
Enviado por Minerin em 05/11/2007
Código do texto: T724650

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Minerin
Ibiá - Minas Gerais - Brasil, 51 anos
49 textos (5455 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 03:31)