CapaCadastroTextosÁudiosAutoresMuralEscrivaninhaAjuda



Texto

ACHEGUEMO-NOS CONFIADAMENTE

"ACHEGUEMO-NOS, PORTANTO, CONFIADAMENTE; JUNTO AO TRONO DA GRAÇA,
A FIM DE RECEBERMOS MISERICÓRDIA E ACHARMOS GRAÇA PARA
SOCORRO EM OCASIÃO OPORTUNA." (Hebreus, 4:16)
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
 
Podemos ter ousadia ao nos aproximarmos do trono de DEUS, pois é trono de graça, e não meramente de juízo e vingança. Agora mesmo, em nossa luta contra o pecado, a desobediência e a tendência à apostasia não podem impedir-nos de sermos vitoriosos, porque nosso Sumo Sacerdote está postado à mão direita do Pai, intercedendo por nós, enviando-nos do seu Espírito para fortalecer-nos. É particularmente essa ajuda, agora mesmo, sobre a qual fala este versículo; e por sermos ajudados agora, somos levados pelo Filho à presença do Pai.
A real conclusão da questão é: "...CONSERVEMOS FIRMES A NOSSA CONFISSÃO"(Hebreus, 4:14).
Tudo quanto tem sido dito visa fortalecer essa palavra e encorajar aqueles que a praticam. A vida cristã é possível, embora seja difícil. O próprio JESUS não viveu vitoriosamente e com facilidade; e nós não podemos esperar tal coisa. A inquirição espiritual requer resolução firme, um desenvolvimento deliberado e pleno de nossos poderes espirituais. Precisamos cultivar a espiritualidade, ou falharemos de maneira miserável em nossa inquirição pela santidade, para que assim assumamos a natureza e a imagem de CRISTO. Em meio à agonia é que JESUS foi aperfeiçoado por meio de sofrimentos.
"EMBORA SENDO FILHO, APRENDEU A OBEDIÊNCIA PELAS COISAS QUE SOFREU."(Hebreus,5:8)
Como poderia ser que nós, homens menores do que ele chegasse à perfeição em meio a uma vida fácil?
Precisamos dedicar-nos ao estudo e à meditação das Escrituras, à oração e á meditação, à busca pelos dons espirituais. Precisamos abandonarmo-nos às coisas celestiais, e não às terrenas. Se fizermos essas coisas não poderemos falhar; pois ele está de mãos estendidas para acolher-nos, se honesta e diligentemente o buscamos. O homem se afastou muitíssimo de DEUS, será um esforço imenso traze-lo de volta a DEUS. Mas JESUS mostrou-nos o caminho, dando-nos os meios para tanto, pelo que também devemos desenvolver nossa salvação com temor e tremor. (Fil.2:12).
O que o homem pecaminoso temeria por fazer, de outro modo, isto é, aproximar-se do DEUS Santo e buscar-lhe a ajuda, visto que o Filho se aposta a seu lado e o convida, torna-se algo que pode ser feito com ousadia e confiança.
Dessa forma, convém ressaltar a expressão "ACHEGUEMO-NOS, PORTANTO, CONFIADAMENTE", a qual expressa o pensamento que o cristianismo é a religião do livre acesso a DEUS.
"TENDO, POIS, TAL ESPERANÇA, SERVIMO-NOS DE MUITA OUSADIA NO FALAR."(2 Co.3:12).
Mas, notemos que o trono de DEUS está em foco, o centro de sua glória, poder, majestade e julgamento e, agora, esse mesmo é visto envolvido na graça e misericórdia. A obra do Filho é que fez as coisas desse modo, e agora está ao lado do trono, assegurando essas bençãos para nós. O trono de DEUS, aninhado na graça, mostra-nos que a graça nos é dada como dom do poder divino. Ele é poderoso para salvar, poderoso para ajudar, poderoso para dar-nos vitórias espirituais. Mas, é preciso que o busquemos para receber essas bençãos. Somos ordenados a vir "OUSAMENTE" a esse trono e rogar por aquilo que precisamos. Isso nos é exigido, e é isso que fracassamos, usualmente através de indiferença espiritual e preguiça, pois andamos tolhidos pela carne e suas obras. A graça de DEUS, que nos é conferida, provê ajuda às nossas almas. E isso em todas as facetas da vida, neste contexto, mas particularmente ainda, ajuda para escapar da frieza, da indiferença, do desvio espiritual e da apostasia. Portanto, "SE ESPERARMOS PARA OUVIR Só AMANHÃ, QUANDO DEUS ESTÁ FALANDO CONOSCO HOJE, CHEGARÁ À NOITE INOPORTUNA, QUANDO AQUILO QUE AGORA PODE SER FEITO NÃO MAIS PODERÁ SÊ-LO; E BATEREMOS EM VÃO NA PORTA JÁ FECHADA"(Calvino).
Assim, "...HOJE, SE OUVIRDES A SUA VOZ, NÃO ENDUREÇAIS O VOSSO CORAÇÃO, COMO FOI NA PROVOCAÇÃO." (Hebreus, 3:15).
 
 
FONTES: Bíblia Sagrada
Livro N.T. Interpretado
Wilson de Oliveira Carvalho
 
A preguiça é apenas o refúgio de mentes fracas, o feriado dos tolos.
(Lord Chesterfield)
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
   
 





 
 
 



 
Wil
Enviado por Wil em 17/06/2009
Código do texto: T1653142

Comentários

Sobre o autor
Wil
São Paulo - São Paulo - Brasil, 79 anos
2222 textos (80565 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 29/08/14 02:14)