Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Como posso evoluir?

Como posso evoluir?

Quando amanhece sinto uma renovação, como o raiar do Sol parece que tudo será diferente que conseguirei mudar.

-Mudar? Pergunta o discípulo do velho sábio.

- Sim, mudar. Todos os dias devemos pensar que vamos conseguir evoluir. É como o Sol que ilumina sempre as mesmas paisagens que parecem iguais, mas modificam-se com o tempo. - Responde o velho sábio.

- É por isso que existe aquele ditado: “nada como uma noite bem dormida”. O simples fato de acordar nos renova?

- Quase isso. Se a força interior não se manifestar jamais chegaremos a lugar algum. Deus nos guia pelos caminhos certos da vida. Nós confundimos os traços e não nos esforçamos para entendê-los, pelo contrário, colocamos a culpa nele e nos sentimos injustiçados, abandonados no mundo cruel que ele nos enviou.

- Como posso evoluir em um dia?

- Escutando o seu coração e percebendo os sinais enviados por Deus.

- Somente isso - Responde o discípulo.

- Não é tarefa fácil, nem todos conseguem entregar-se ao que realmente desejam.

No dia seguinte, à noite, o discípulo voltou onde se encontrava com o sábio e contou muitas bondades que havia feito.

- Você ainda tem muito que aprender, meu filho. Quando falei de evolução não me referi a sair por aí fazendo caridade para todos, isso é um gesto de uma pessoa como você, generosa e de bom coração. Sua maior evolução hoje foi ter vindo me procurar para aprender mais alguma coisa.

- Quer dizer que errei? Pergunta o discípulo indignado. Não entendia o que se passava na cabeça do sábio.

- Não errou, somente demonstrou o que já existe dentro de você. Você tem que vencer seus medos e inseguranças, procurar sempre uma dose de sabedoria em seu dia, só assim poderá chegar perto da perfeição.

- Não posso chegar à perfeição como o senhor?

- Ninguém é perfeito. Eu sei um pouco da vida, mas não sou perfeito. Todos os dias faço o exercício da evolução. Agora mesmo errei julgando seu comportamento, não deveria, tinha apenas que apontar o melhor caminho e deixar o seu livre arbítrio decidir.Da próxima vez escutarei meu coração e uma voz interior dizendo:” Não julgue, mostre apenas o caminho certo.”
Carina Almeida
Enviado por Carina Almeida em 11/12/2011
Código do texto: T3383771
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Carina Almeida
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
22 textos (384 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/14 17:14)
Carina Almeida



Rádio Poética