Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Apócrifos de Felipe

Sou uma voz gritando no deserto...
Apócrifos de Felipe
Meus irmãos entre os espíritos impuros há os machos e fêmeas. Os machos são aqueles que se unem às almas que estão nos corpos femininos. Os espíritos impuros das fêmeas se unem às almas que têm um corpo masculino. Ninguém poderá fugir destes espíritos quando se apoderam de alguém, a não ser que esteja dotado simultaneamente de uma força masculina e de outra feminina, isto é, esposo e esposa provenientes da câmara nupcial em imagem. Quando as mulheres néscias descobrem um homem solitário lança-se sobre ele, brincam com ele e o mancham. O mesmo acontece com os homens néscios; quando descobrem uma mulher bonita que vive só, procuram insinuar-se e, inclusive, forçá-la com o intuito de a violar. Mas se vêem que homem e mulher vivem juntos, nem as fêmeas poderão se aproximar do macho nem os machos da fêmea. Aquele que sai do mundo não pode já ser retido por ele, pela simples razão de que já esteve no mundo. Está claro que este é superior ao desejo e ao medo, domina a natureza e a inveja. Como pode este fugir a seus grandes poderes? Como se esconde deles? Se o Espírito Santo está com ele, nenhum espírito impuro poderá alguma coisa contra ele. Nem temerá a carne e nem a amará. Não tenhas medo da carne nem a ames, se a tens, dominar-te-á, se amas, paralisar-te-á e te devorará. Ou se está neste mundo ou se está na ressurreição, ou em lugares intermediários. Queira Deus que a mim não me encontre neles! Neste mundo a coisas boas e coisas más: as coisas boas não são boas e as más não são más. Mas há algo mau depois deste mundo que é em verdade mau e que se chama de intermediário, isto é, a morte. Enquanto estamos neste mundo é conveniente que nos esforcemos para conseguirmos a ressurreição para que, uma vez que abandonemos a carne, achemos o descanso e não tenhamos que estar errando pelo intermediário. Muitos se enganam de caminho. È conveniente sair do mundo antes de haver pecado. Alguns nem querem e nem podem, outros, ainda que queiram não lhes serve de nada, por não trabalhar para se libertar. De maneira que o simples querer os faz pecadores, mesmo que ele não queira. A justiça esconder-se-á de ambos: do querer e do não fazer. Um apostólico viu numa visão algumas pessoas presas numa casa em chamas, com labaredas de fogo e num mar de fogo. Perguntou-lhes por que não podiam se livrar daquilo e lhe responderam que não o desejavam, que tinham recebido aquilo como castigo. A verdade não veio despida a este mundo, mas envolvida em símbolos e imagens, já que este não poderá recebê-la de outra maneira. Há um renascimento e uma imagem do renascimento. È em verdade necessário que se renasça através da imagem que é ressurreição. È preciso que a imagem ressuscite pela imagem; é preciso que a câmara nupcial e a imagem através da imagem entrem na verdade que é a restauração final. Tudo isto é conveniente para aqueles que não só recebem, mas também que têm feito seu, por méritos próprios, o nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Se alguém não obtém por si mesmo, ainda o mesmo nome lhe será arrebatado. Estes nomes se recebem mediante unção aromática que os apóstolos chamam a “direita” e a “esquerda”, então se deixa de ser já um simples cristão para se converter em um Cristo.

Partes do texto extraídas do Evangelho segundo Felipe.

02/2005 joserenatobueno@uol.com.br
joserenatobueno
Enviado por joserenatobueno em 13/09/2007
Código do texto: T651057
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (você deve citar a autoria de José Renato Bueno MTb 50761/SP). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
joserenatobueno
Brotas - São Paulo - Brasil, 47 anos
364 textos (41857 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 06:30)
joserenatobueno