Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ALABÊ DE BELÉM

ALABÊ DE BELÉM
                                            Para Altay Veloso
DEPOIS DE VISITAR O DIVINO
MANIFESTADO NO PEQUENINO
DECIDIU O MOURO MAGO BALTASAR
ENCAMINHAR-SE PELA ÁFRICA
LEVANDO A BOA NOVA.

PELO IMENSO CONTINENTE
ANDOU, TODAS AS TERRAS
ATRAVÉS DE DESERTOS E FLORESTAS
E VIA EM TODO MENINO
A ESPERANÇA DO NASCIDO,
O JESUS DE BELÉM,
LEVANDO A TODOS UM PRESENTE.

VOVÔ PERERÊ GANHOU FAMA,
PERDEU UMA PERNA
- GUERRA¡ EM UMA CHACINA
DESISTIU DE SEGUIR SUA SINA?
- NÃO. O SACI VELHO
EM UM NAVIO DE HORRORES,
SEGUINDO ESTRELAS,
CHEGOU AO BRASIL;

DE CORRENTES FUGIU
PELAS MATAS ESCONDEU-SE.
ARTESÃO  DE BERIMBAUS,
DE BARRO E ARGILA
MOLDOU A APARECIDA
LANÇADA NO PARAÍBA.

TODAVIA CONTINUA
SEM ESQUECER DAS CRIANÇAS
SALTANDO NUM PÉ SÓ
DE SEU GORRO VERMELHO
COMO DE UMA CARTOLA
TIRA BRINQUEDOS MÁGICOS.

- VOVÔ PERERÊ, O NOEL NEGRO
 SEMPRE VEM
ANUNCIANDO A JESUS
VIVA!  VOVÔ PERERÊ!
O ALABÊ DE BELÉM!

******************************************

Publicado em Cadernos Negros 33- Quilombhoje- São Paulo-2010
Luís Carlos Oliveira Aseokaynha
Enviado por Luís Carlos Oliveira Aseokaynha em 21/12/2010
Código do texto: T2683873

Copyright © 2010. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Luís Carlos Oliveira Aseokaynha
Salvador - Bahia - Brasil, 49 anos
521 textos (10117 leituras)
5 áudios (422 audições)
1 e-livros (73 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/11/14 15:04)
Luís Carlos Oliveira Aseokaynha



Rádio Poética