Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NOSSO OLHOS

Olhos negros, castanhos e azuis
Não importa a cor que é
Os olhos comunica tudo
Depende se a gente quiser.
Os olhos que passa para o coração
Aquilo que a gente quer.

Dos olhos que sai a firmesa
Daquilo que a gente pensa,
As vezes tu olha e não enxerga,
Mas o coração sabe o que é
Os olhos junta ao pensamento
Lhe diz o que você quer.

Dos olhos que se afirma
Aquilo que a gente pensa
As vezes olha e não enxerga
Mas o coração sabe o que é
Os olhos junta o pensamento
Te diz o que você quer.

Dos olhos que nasce o amor
Depende o jeito de olhar.
Ele manda fazer a guerra,
Tambem manda acabar,
basta você desconfiar.

Coisa bonita dos olhos
Quando olha a namorada,
Ela fica luzente e brilhoso,
Dá vontade de se agarrar.
O namoro é mais bonito
Com seu jeito de olhar.

Do olhar você expressa
Aquilo de seu desejo,
Basta ter convivencia,
Pode pedir-lhe um beijo.
Dos olhos se fala tudo
Não te faça de um grego.

O que os olhos não vê
O coração não deseja.
Olhos viu coração desejou,
São peças trabalhando juntos.
Por isso é que vem o amor,
nossos olhos é nossa flor.

Flor que indica vida.
Vida que indica amor,
os olhos que fala tudo,
Dos olhos começa a dor.
Olhos e coração juntos
Se trasforma em amor.

De um piscar de olhos
pode muito siguinificar,
pode falar de amor,
Podem ate reclamar.
Os olhos conversa bem
Sem a boca manifestar.

Os olhos mandam recado
Para o cérebro movimentar.
O cérebro,por sua vez,
Põe a boca pra falar
Todo sentido do corpo
Os olhos tem que mandar.

Duas bolas maravilhosas
Que Deus nos deu para amar
Parece reflexo da lua
É bonita de encantar,
Mas deve ter muito cuidado
Na hora de interpretar.

Os olhos são como eu falei,
Tem presente e tem passado
Basta observar,que eles dão recado
Na hora do vamos ver,
Ele é o seu olhado.
Deus fez tudo certo
Deus não faz nada errado.

As piores coisas dos olhos
Quando ele olha com covardia
Podem enganar muita gente
Até sua família.
Olhar de covardia é farsa
Muita gente desconfia.

Gostoso mesmo é
Um olhar de amizade,
Agente sente segurança
Anda na mesma estrada,
esta olhanda de firmeza
Deixa a gente apaixonado.

Quando me lembro da primeira namoradinha,
Uma mineirinha aloirada,
tinha os olhos claros
Olhava dando risadas
Aloira conversava com os olhos
Deixava a gente apaixonado.

Por causa de um olhar
Me apaixonei,
Namorei com uma cabocla
Quase caí no reio,
Seus olhos me conquistou
Por isto me casei.

Olhar de loira é bonito
A de cabocla é charmoso.
Cabocla conversa e age,
Loira leva a gente na prosa.
Se for para escolher,
Escolho a mas mimosa

Escrever versos bonitos
Precisa ter bom coração
Tem que pedir a Deus,
Para te dar inspiração
Ter a cabeça no lugar
Escrever sua paixão.

De um olhar como todo
A gente começa ver,
Escrever versos sobre olhos,
Já começa a perceber,
Para o coração falar
Os olhos tem que ver.

olhos viu, coração falou:
-  Ai, começa a novela.
Os olhos indica o namoro.
Coração fala com ela:
-  Já namorei com muitas jovens,
Agora, quero a donzela.

Olhos que ja me viram
Agora não me vê mais,
Vou voutar ao meu sertão
vou viver la em Goias,
Sertão de moças simples,
Sertão que não me vê mais.

Deixando o meu sertão
Não sei se vou resistir,
deixar minhas jovens simples,
Pegar outras por aí,
Viver em cidade grande
Será que vou resistir?

Meus olhos sempre me disse
Pra em meu sertão eu ficar
Estou teimando com ele
Não sei se vou aguentar
Meu sertão baiano é muito bom
È gostoso de morar.

Meus olhos mandam mensagens,
Para o coração falar
Diga para seu dono deixar de imaginar
Seu lugar é no sertão
Onde você vai ficar.

Ao ter minar estes versos
Tive muito o que contar,
Falei na mamãe querida,
Falei para os jovens estudar,
Elogiei minha querida
Só que ela não vai imaginar.
Matos
Enviado por Matos em 08/10/2005
Reeditado em 05/11/2005
Código do texto: T57836

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Matos
Goiânia - Goiás - Brasil, 83 anos
14 textos (707 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 22:32)
Matos