Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A (minha) vida como ela é [4]

AS PESSOAS DO DIREITO

Sempre achei que os advogados já nascem advogados. É só uma questão de tempo eles concluírem a faculdade e receberem a certificação da OAB.

É claro que quem faz o curso de Direito pode trabalhar em diversas áreas diferentes, que demandam aptidões e habilidades diversas. Mas quem advoga inevitavelmente gosta de convencer as pessoas, argumentar, racionalizar seu ponto de vista (ou o ponto que esteja defendendo).

Já convivi com vários advogados. Todos eles demonstram segurança ao discorrer algum assunto, um incontido senso de justiça e outro ponto comum: a habilidade (ou necessidade?) de ler muito. Admiro estes traços nestes profissionais.

Acho que Direito é uma área do conhecimento tão importante, que deveríamos todos ter uma disciplina em algum momento da nossa vida, independentemente da nossa área de atuação. Conheço gente também que foi cursar bacharelado em Direito para, além de se informar mais do funcionamento das Leis, poder falar (ou discursar) com mais propriedade sobre normas, procedimentos e resoluções.

Uma vez fiz uma brincadeira com um advogado. Era uma conversa bem animada sobre vários assuntos da área, a prova da OAB, os argumentos de defesas. E então eu criei uma situação hipotética, algo como um problema entre uma empresa e um funcionário. E perguntei ao doutor das Leis: “Como você argumentaria?”

Mas não fiz a pergunta apropriada. Porque a resposta foi outra interrogação: “Quem você quer que eu defenda?”

Me fez pensar. De fato, o trabalho do advogado é este: defender um dos lados. E cada uma dessas partes terá o seu defensor.

Aprendi então que o Direito não é uma área para se definir certos e errados, mas para estabelecer os responsáveis pelos atos e as suas respectivas consequências.
Hélio Fuchigami
Enviado por Hélio Fuchigami em 07/09/2017
Código do texto: T6107393
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Hélio Fuchigami
Goiânia - Goiás - Brasil, 38 anos
719 textos (74524 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/11/17 10:01)
Hélio Fuchigami