Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Definitivo

( Débora Acácio 20/09/2004)
 
Julgamos ou pré-julgamos tanto os efeitos, as pessoas... o mundo ao nosso redor e colocamos o peso da indefinição ou da definição.
Se for para ser indefinido que seja sempre aquilo que não conhecemos a fundo. Tudo aquilo que não temos noção de tamanho, cultura ou razão. Mas que nosso respeito por eles seja sincero e definitivo.
Assim como a honestidade de encarar de frente os nossos erros e vacilos.
Se for para definir que seja o que realmente e verdadeiramente queremos e que seja para nosso bem estar em todos os sentidos.
Se for para definir que seja os sentidos, os significados de tudo que nos cerca. Com base em estudos e pesquisas diversas para nos dá convicção necessária para afirmação e conscientização.
Se for para definir que seja inicialmente pelo estudo, pela graça que nos dá toda e qualquer boa conquista.
Se for para conquistar que seja o belo, o bonito do efeito, da pessoa... do mundo ao nosso redor.
E que nossas expectativas, nossos sonhos de mudar o mundo não interfiram neste estágio ainda indefinido.
Pois assim como uma oportunidade perdida.... é o resultado de algo sentenciado como definitivo ou indefinitivo esses estágios só aprendemos com o tempo. Ainda que seja inviável definir o tempo.
É imprescindível acima de tudo.
VIVER!
E se for para viver que seja um dia após o outro, sem pressa mas com rapidez suficiente e necessária para agarrar, viver e não lamentar toda e qualquer oportunidade.
Se for oportunidade que seja filha legitima da verdade, da vontade, da esperança e acima de tudo da humildade. Ai sim... cada gesto, cada ato, cada palavra serão definitivos , eternos como a VIDA.
Débora Acácio
Enviado por Débora Acácio em 20/04/2006
Código do texto: T142341
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Débora Acácio
Salvador - Bahia - Brasil, 44 anos
557 textos (18497 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 10:11)
Débora Acácio