Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Indagação

Idéias que vão e voltam
Atemporais
Amorais
Irracionais
Idéias me consomem lentamente, faltando nexo e seqüência
Saltam sem realização

Lógicas, todas elas
Carregadas de significado insignificantes
Temo por elas e por mim
Carregadas de sentimentos, que teimosa, quero afugentar

A força dos sentidos bate como o pêndulo de um relógio antigo aprisionado em sua caixa ornada
Fundem-se idéias e sentimentos, um amálgama interminável

Fujo e caio
A ambos aprisiono sem abrir a porta da fala

Quem sabe elas se diluirão nas lágrimas que não choro?




 


Gilda Delgado
Enviado por Gilda Delgado em 09/06/2006
Código do texto: T172180
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Gilda Delgado
Maricá - Rio de Janeiro - Brasil, 70 anos
11 textos (568 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 06:13)