Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MINHA RESPOSTA

Privilégio conhecer o mundo por todos os cantos,
Desprezar a distancia que separa tantos sabores,
Viajar pelos mares e florestas onde a vida floresce,
E avaliar o tamanho do egoísmo de quem nada padece.

Pois que tal privilégio cobra seu quinhão de presteza,
Mostrar por um lado toda a felicidade de poucos,
E a descoberta de tantas mazelas nos quartos sujos,
Onde se misturam pais e filhos repartindo a fome.

Ver o olhar parado, o corpo inerte e indiferente,
Resistindo aos muitos olhares suplicantes e chorosos,
As mãos fechadas rodeadas de ouro, prata e poder,
Ante as unhas sujas, corpo lacerado e ódio profundo.

Tamanho seria o privilégio de conhecer o mundo,
Se o desprezo não coubesse a infância perdida.
Privilégio seria se a esperança viajasse contigo,
E a tua riqueza fosse um coração aberto ao sorriso.

Me contas alegre, inúmeras e grandes riquezas,
Façanhas e prodígios que o teu capital propicia.
Conta-me se ainda te lembras de uma consciência,
Ainda que, como sinal de humanidade, não seja a tua.
Jose Carlos Cavalcante
Enviado por Jose Carlos Cavalcante em 10/06/2006
Código do texto: T173062
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jose Carlos Cavalcante
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 56 anos
730 textos (54066 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 20:28)
Jose Carlos Cavalcante