Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

As mudanças

Nós mudamos de acordo com a nossa conveniência...somos rudes quando estamos de mal com o mundo, somos doces quando estamos apaixonados, brutos quando alguem pisa no nosso calo, ignorantes se nos tratam com indferença ou com grossura...pois bem, isso talvez não sejam mudanças de fato, mas elas trazem grandes mudanças sim. Pessoas se vão e voltam todos os dias na nossa vida, pessoas que sempre trazem pra nós de uma forma ou de outra alguma beneficência, bem porque das experiências mais tristes nós tiramos as melhores lições de vida(pelo menos comigo foi assim...), e essas pessoas quando saem da nossa vida elas sempre levam um pouco de nós e nós ficamos com um pouco delas também, mas até aí as mudanças não foram totalmente explicitadas... a mudança que causamos nas pessoas nem sempre são mudanças boas, talvez vc possa fazer uma pessoa ficar mais fria, com medo de amar, com medo de gente, tudo isso depende de como tenhas lidado com seus sentimentos..."és responsável por aquilo que cativas", e essa frase não fui eu quem inventou...Nós mudamos de acordo com a nossa conveniência e isso é uma verdade, nós somos feito um criança que sempre dá um passo a mais pra frente até que leva uma tapa e conosco não é diferente, sempre testamos a vida, a sorte, o futuro...prefiro uma certeza de um não doque a duvida de um talvez, por isso dar passos pra frente é sempre um lucro, mas não como crianças, assim os passos que damos são totalmente sem retorno e só nos fazem ver o quanto nós sempre podemos ir pra frente e muitas das vezes esse "andar pra frente" pode não ser a direção certa, ou vc daria um passo pra frente na beira de um precipicio??? Por isso meu povo peço a todos que zelem por seus lares, pelas pessoas que te amam e que não fazem questão alguma de demostrar isso, prezem pelo amor e esqueçam um pouco que esse mundo evoluiu e que na nossa sociedade está tudo moderno d+, cuidem-se e jamais, jamais percam o valor da vida de vocês...jamais deixem de dar sentido às suas vidas e não deixem nunca que seus sonhos se tornem podres dentro de vocês...o hoje é o futuro de ontem...
Carpe Diem
Robson Veloso
Enviado por Robson Veloso em 16/05/2005
Código do texto: T17327
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Robson Veloso
Recife - Pernambuco - Brasil, 30 anos
13 textos (2448 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 22:49)
Robson Veloso