Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Apesar ...

( Débora Acácio 01/02/2005)
 
 
Nada absolutamente nada poderemos exigir do nosso próximo se estamos em mesmo nível ético, espiritual e moral.
 
Nada poderemos exigir se não estamos dando, pois já diz o ditado que é dando que se recebe.
E...
Se for para dar que seja o mínimo de respeito...
E se for para respeitar que seja primeiramente a nós mesmos como seres e HUMANOS, ainda que tantas barbáries nasçam de nossas mãos humanas.
 
Nada poderemos criticar, repelir ou querer mudar, se ainda não estamos aptos e sinceros em nossas criticas, extração ou mudança interior. E se for para mudar que seja primeiramente o nosso orgulho, egoísmo e falta de solidariedade.
 
Nada seremos enquanto continuarmos a nos fadar a aceitar a desigualdade e o preconceito sem nada fazer.
 
Nada seremos enquanto não enxergamos, aceitarmos e/ou entendermos o outro como nossa extensão. Sem distinção de sua cor, seu sexo, sua nacionalidade....
Débora Acácio
Enviado por Débora Acácio em 11/07/2006
Código do texto: T191862
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Débora Acácio
Salvador - Bahia - Brasil, 44 anos
557 textos (18497 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 20:43)
Débora Acácio