Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Em Algum Lugar


Abro meus olhos com a esperança de encontrar
A verdadeira intensidade do sol
Mas encontro lúgubre, infeliz, deprimida e magoada.
Gotas de água caem sobre meu corpo
Permaneço em silêncio
O tempo deixou para trás o que já pertenceu na minha vida.
Tempo hoje que não significa muito.
Às horas passam cada vez mais rápidas...
O ano já não me pertence
Já passou mais da metade
E eu estou ainda aqui parada com você na minha alma
Desde que eu conheci seu espírito
Não pude lutar contra o meu...
Tudo foi mais forte do que meu pensamento...
Realmente deixei a racionalidade
Muitos anos se passaram talvez três, quatro... Ou mais?...
Já perdi a conta desse tempo
A única oportunidade em que
Os meus lábios encontram com os seus
As nossas mãos se uniram como nunca estivessem esperadas
E os nossos olhos cerraram-se
Eu desperdicei esse momento
Tornei um passado insignificante
Já não sei se me arrependo
Mas hoje me redimo diante dos seus olhos
Talvez eu tenha estragado tudo
Talvez eu...
Talvez, não!
Eu te amava...
Amava você por completo...
Amava os seus defeitos
Amava você!
Voltar já não possa mais...
Porém, jamais te esquecerei.
Não vou perder da lembrança à felicidade que você me deu
Não vou perder você
Nem que eu queira
Porque eu ainda te amo
E porque você jamais deixaria eu sair da sua vida
Encontrar-te-ei além do arco íris, um lugar feito somente para nós, onde o amor é mais do que o seu nome.
Onde eu sempre estive com você
Em outras vidas? Quem sabe!
Onde quer que eu esteja te amarei!
Cah
Enviado por Cah em 12/08/2006
Código do texto: T215142
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Cah
Caçapava - São Paulo - Brasil, 27 anos
4 textos (232 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 14:41)
Cah