Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Antropossemia

Então Deus disse: façamos o homem à nossa imagem e semelhança. E Deus criou o homem à sua imagem, a imagem de Deus ele o criou, e os criou homem e mulher.
É bem verdade que o homem não é consultado nem para nascer, nem para morrer, e não será consultado sobre o seu domicílio eterno. o homem registra sua queixa por ter vindo ao mundo, através do choro no nascimento, e reclama ao ter que deixá-lo, através do medo da morte.
O que o homem quer? O que ele busca´? É evidente que nos tempos de calamidade universal as estruturas tradicionais da sociedade não sobreviverão. Haverá um luta implacável pelas mais simples necessidades da vida, como comida, água, combustível e abrigo. a autoridade será usurpada pelos fortes e cruéis. As grandes sociedades urbanas vão fragmentar-se em grupos tribais, que haverão de se hostilizar uns aos outros. As regiões rurais ficarão sujeitas a pilhagens. A pessoa humana se transformará numa presa, tanto quanto os animais que abate agora como alimento. A razão será de tal forma toldada que o homem recorrerá às formas mas toscas e viôlentas de sobrevivência em busca de conforto.
Como evitar essa situação por definitivo?
O primeiro passo nesse caminho há de ser uma profunda mudança na idéia sobre o ser humano, na idéia sobre Deus e na idéia sobre a relação do ser humano com Deus. Então o onipotente, o oniciente, o oniciente, mostrarar o caminho do ser no ser, em respeito para com tudo e todos que nele, dele,por ele e para ele sejam manifestos até o estado de pureza e vivência do EU Deus, que permita o supremo passo, gloriosamente lúcido imortalmente vital, para o amor de Deus, em Deus e eternamente e infinitamente para Deus.
iko
Enviado por iko em 13/06/2005
Código do texto: T24362
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
iko
Nova Iguaçu - Rio de Janeiro - Brasil, 37 anos
4 textos (1617 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 08:37)
iko