Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Amor Doce Incerteza Infeliz Ao Pensar

Oh amor...
doce espada que me corta e divide.
entre o bem e o mal,que me faz querer.
conversar pelas noites enquanto o sorrir.
me faz sentir outra vez vivo até o negar tomar conta.
dos momentos de felicidade onde chovia algo tão quente.
que nem sei como explicar as horas que se passavam
e seria um ato desonesto tentar esquecer do lugar onde as
dores se acalmavam-se e as feridas se cicatrizavam.

Ah olhos verdes...
foi através de recortes que pude conhecer a mais bela.
criatura que "Ele" pode criar e mesmo sabendo que nunca irei.
ter o prazer de conhecê-la ainda acredito que terei o prazer de senti-la.
tomando todas as oportunidades que talvez um dia tenha de chorar.
sua rara existência é apenas um tiro para o alto que ao atingir o céu só.
provoca felicidade aqueles que não presenciam a maldade em seu coração.

És tão incapacitada de magoar mas me fere entre todas as horas,minutos e segundos.
da minha mera existência e não faria jus a mim mesmo concordar entre meus queridos.
familiares,amigos e até mesmo inimigos que é você que envolve meu corações em chamas.

E sei que nunca você precisou de heróis para jurar vida a ti porque é tão independente.
que controla todos com seu olhar.

Não tenho a necessidade de dizer lhe que sou um mentiroso,um corrupto, que faço falsas promessas.
que nego estar vivendo a ti, mas boto as cartas na mesa quando digo sinceramente: morreria por ti.
Bruno Barroca
Enviado por Bruno Barroca em 27/10/2006
Código do texto: T275103
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Bruno Barroca
São Paulo - São Paulo - Brasil, 26 anos
9 textos (351 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 16:37)