Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

insanidade

Não há mais como lutar!
Não há mais como gritar!.... a minha insanidade foi sonhar ser juíza dessa Polícia Militar, na qual convivo desde que nasci e defendê-la dos homens que fazem da farda um trampolim para abusos e falcatruas, decidindo a vida das pessoas como quem joga truco, blefando e apostando na próxima vítima a torturar. E o pior, com o aval do "poder" que lhes foram conferidos.

Delírio? Talvez sim! Por acreditar que honestidade e dignidade (como diria meu  pai),  seriam adjetivos necessários, para ajudar esse País a ficar "melhor" e mais "respirável"...
Confesso que não mais reúno condições de "brigar" contra um Sistema onde vence quem se sujeita a ser comandado e monitorado por pessoas que anunciam aos quatro cantos que são deuses e podem tudo!!!! e esse tudo, inclui eliminar, por qualquer meio, aqueles que ousam divergir julgando de acordo com sua própria consciência, usando, apenas o conhecimento técnico e o livre arbítrio sem deixar sequelas de acordos malfadados à destruição de vidas de terceiros ou ao escárnio de pessoas de bem!

Dispenso menções de solidariedades, apoios ou, até mesmo ser considerada uma vítima. Quero sim,  deixar esse  "escrito" para que mais tarde meus filhos e os poucos amigos que restaram,  leiam e entendam o porquê a Roseane, mulher, que um dia, jurou  julgar de acordo com a Lei e a prova dos autos, foi declarada incapaz, mentalmente, por um Tribunal Militar que  ela mesma desafiou por ter sido uma magistrada leal e honrada,  sem amarras de qualquer espécie.

Que essa loucura que  irão atestar para manchar meu nome e, que talvez eu não mais aqui me encontre para presenciar, seja  o estopim para a descoberta, pela sociedade, de que o único delito que cometi foi o de acreditar que hombridade e honradez fossem os atributos necessários para combater a corrupção, o arbítrio e o autoritarismo, ainda tão dominantes e impunes em nosso País.
Zane
Enviado por Zane em 26/06/2005
Reeditado em 26/06/2005
Código do texto: T27918
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Zane
São Paulo - São Paulo - Brasil, 55 anos
37 textos (11483 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 12:41)
Zane