Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Confusão!

Ao me procurar...
Olhe nos meus olhos, veja minha boca se mover de um lado para o outro e os lábios baterem.
Ao me procurar...
Diga que não sei quem és que te provarei o quão estais errado.
Ao me procurar...
Se decidires ir ao dicionário, poderá me achar em diversas palavras: amigo, inimigo, confidente, malvado, bom, perseverante e em mais algumas.
Ao me procurar e querer me sentir...
Procure nas ruas esburacadas, encharcadas ou poderá também me encontrar nas esquinas das ruas largas e belas.
Não subestime seu companheiro.
Não se esqueça que a traição nasceu de um beijo.
Não se esqueça que de um beijo nascem diversos sentimentos, até de repudio e renegação.
Várias coisas estão acontecendo ao mesmo tempo. Sem sentido, com sentido, estou sem ação. Não sei mais o que falar, nem como agir. Só sei que estou quase só, nas palavras e nos sentimentos.

>> http://momentuns.blogspot.com/2010/04/confusao.html <<
Luís Freire
Enviado por Luís Freire em 30/03/2011
Código do texto: T2879880

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Luís Freire
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 28 anos
29 textos (432 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/11/17 15:54)
Luís Freire