Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A quem interessar possa


O novo vai chegar
Vai chegar de novo
Também para quem não interessa
Concordar com muito disto
Decepcionar...
Contrariar caprichos, nichos encontrar.

Já chegou matando e recriando
Mais rápido que o próprio já
Quem se recompondo
Acompanhará

Referências mortas
Debatem-se em fúria
Conveniências tortas
Sucumbem em lamúrias

E os coincidentes de intenção
Com as lições da transformação
Dirão: seu mundo chegou pra ficar!
Não contam ou fingem não notar

Que o novo é contínuo pra ser novo
Reporta-se a si, inconseqüente,
Estranho, obscuro sem parar para olhar.
Sem guizos de avisos nem alças pra agarrar

O novo é implacável
O novo é saudável
O novo é o ar a respirar

Edbar
Enviado por Edbar em 12/11/2006
Código do texto: T289459
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Edbar www.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Edbar
Recife - Pernambuco - Brasil, 65 anos
2870 textos (82761 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 13:47)
Edbar