Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quando decepcionamos alguém


Por que às vezes a gente no impulso de falar algo acaba saindo uma palavra ou uma frase que decepciona alguém?
Acho que por essas e outras coisas que posso ter acabado perdido pessoas importantes e especiais pelo caminho, por falar demais, ou achar que falo demais (ou ainda perder).
O que chateia mais ainda é que, além da gente fazer isso sem querer, sem a mínima intenção de ofender ou magoar alguém, acontece com pessoas que são essenciais em sua vida, que você sempre quer ao seu lado, que você sabe que se importa e gosta de você, e quer sempre seu bem. Sinceramente me entristece muito.
O pior é que muitas vezes a gente não sabe como reagir depois, ou o que falar, ou como falar alguma coisa, na pior (ou na melhor...sei lá) das hipóteses, é ficar calado ou pensar duas vezes antes de falar alguma coisa que possa piorar.
Fico pensando se às vezes, o problema seja comigo, acredito que muitas pessoas já passaram por isso, juro que tento ser cada dia melhor, mas não perfeita, pois ninguém o é.
Porém, fico presa em meus pensamentos se realmente o que eu tento melhorar não poderia ser o que está me prejudicando. Sinceramente, de todo o meu coração, nunca tive e nem tenho a pretensão de decepcionar, ou chatear ou qualquer coisa semelhante a isso pra ninguém e muito menos sendo proposital, quem me conhece sabe o quanto sou emotiva pra coisas que muitas vezes parecem ser desnecessárias, e lágrimas acabam por escorrer. Afinal, já ouvi dizer que as lágrimas lavam a alma, até porque é uma maneira de desabafarmos e colocar tudo pra fora aquilo que nos incomoda.
E assim, concluir que devemos gostar das pessoas não apenas pelas suas qualidades, mas também tentar compreender os defeitos e os erros cometidos da outra pessoa (na maioria das vezes conversas sempre resolvem), e deixar com que tudo volte a ficar bem de novo, à normalidade, melhor que antes.
Rê Botelho
Enviado por Rê Botelho em 01/06/2011
Código do texto: T3006638

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Rê Botelho
Londrina - Paraná - Brasil, 25 anos
3 textos (1051 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/12/14 07:44)
Rê Botelho



Rádio Poética