Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pra qUe tantA pergunTa!

Chega de Perguntas Né?
vamOs encarar a realidade, vamOs partir para esse labirintO que EntramOs. O jOgO está sempre cOmeçando QuandO há uma vitÓria, nãO temOs Férias,pOr issO devemOs aprOveitar *Sempre Sempre*, essa vida, Onde nOs encOntramOs de PassaGem! vamOs passar e deixar marcas pOsitivas, Pra que um dia um FracO Ou indefesO saiba cOpiar a nOssa fOrça, cOmO auTores ImpOrtantes que escreveram textos, Poemas ou Poesias Lindas Onde cada Uma rePresenTa algO, Ou algUma cOisa em nOssas Vidas, e hOje SãO cOpiadOs para mOstrar a fOrça de um Homem, a cOragem de uma escrita, Ou da Defesa de Uma Guerra!
Estava LendO sObre Os Poetas cOmO "Carlos Drummond, Fernando Pessoa, Cecília meireles, Clarice Lispector..." e Vi que Cada um Tinha um senTidO na Escrita, tinha Uma VisãO dO mundO, e em Muitos mOmentOs me Vi nOs textOs deles, e Percebir Que Cada um Tinha Uma Garra, Tinha Uma Batalha, Tinha Um pensamenTo, mas Que nO final tOdOs, Paravam Pra cOntar um vitÓria Ou uma DerrOta, sendO que na DerrOta cada um mOstrava Seus errOs e tentava Superá-Los pela escrita.
EntãO, pOr mas Que O que vOcê Tenha Pra cOntar é Um DerrOta, mOstre que De uma fOrma Ou de Outra, eLa Lhe ensInOu cOisas, Que sua VitÓria nãO lhe mOstraRia!
Moema Miranda
Enviado por Moema Miranda em 21/09/2005
Código do texto: T52590
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Moema Miranda
Feira de Santana - Bahia - Brasil, 29 anos
8 textos (408 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 20:18)
Moema Miranda