Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

tempo dos meus ancestrais

Tempo, velho amigo. Que caminha com as horas. E nos mostra face a face à realidade até oculta. Fascina-nos e nos prende. Quantos querem te parar, fugir ou retardar. Mas como imperador do destino não podemos te evitar.
Conviver bem contigo, respeitando os percalços, desviando de infortúnios, celebrando teus encantos. Mas se queres um aliado não há nada como ti. Bem ou mal tudo passa. Trazendo-nos esperança e a busca pela luta. Enchendo-nos de coragem e a força para a lida.
Contemplo-te e assereno como criança de outrora. Mas novos tempos se aproximam. Do meu jeito de menina trago ainda na essência. Nos ideais de dias melhores e na postura que ora trago cada dia mais reais sem criar expectativas, vou vivendo a cada dia, meu caminho eu mesmo traço, no olhar que hoje tenho vislumbrando o meu passado e desfaço as ilusões deste mundo exacerbado. Não prendo às trivialidades nem às cortes falseadas. Ando só peregrinando indo em busca da jornada. Um dia me encontro transformando meus compassos cada agrura vira flor, traz leveza e fortaleza renascendo um novo eu. Bem mais forte e sagaz. Firme na vida. Pronta pra o ataque como a velha guerreira dos meus ancestrais.
krishnabutterfly
Enviado por krishnabutterfly em 20/03/2017
Código do texto: T5947165
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (krishnabutterfly). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
krishnabutterfly
Recife - Pernambuco - Brasil
6 textos (41 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/06/17 21:41)
krishnabutterfly