Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

OLHAR INDISCRETO


Procuro os olhares mais atrevidos, como a compará-los com minha
suposta indiscrição. Não sei mesmo se enxergo o que vejo ou o que
eu quero. Minhas palavras, bem produzidas, morrem no nascedouro,
porque não desperto a emoção de quem fala sonhando. Mas, quando
me atrevo a olhar bem dentro dos desejos alheios, ai sim, embora
imprudente, colho invariavelmente uma atenção perdida. Bem, quero
explicar, não justiçar meus arroubos de pretensão, se sou atrevido ou
mal educado, perdoe-me à sinceridade, mas adoro dizer o que se passa
em meu coração. Às vezes, muito além disso, o que se passa com os
meus desejos, inconfessáveis desejos de ser o maior amante do mundo,
naquele dado instante, naquele momento em que sinto, mesmo que
esteja enganado,que sou desejado.
Jose Carlos Cavalcante
Enviado por Jose Carlos Cavalcante em 08/03/2005
Código do texto: T6058
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jose Carlos Cavalcante
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 56 anos
713 textos (53693 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 30/09/16 03:37)
Jose Carlos Cavalcante