Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Antiga nova era

De tudo já se tomou conta
Somos apenas a escória da sociedade
Tentando sobreviver ao mundo soberbo e capitalista
Que se faz nessa antiga nova era.
“Rumo ao avanço e ao crescimento”
Dizia-se no passado, hoje:
“Rumo ao avanço da soberba e ao crescimento da vaidade!”
Não se aprendeu nada com a historia
Agora vamos ter que construir nossas pirâmides
Para mostrar a nova geração envaidecida
Que um dia existimos no passado
Vamos construir uma esfinge no topo de cada favela
Vamos construir uma muralha em volta de nossas casas
Maior e melhor que a da China
Só pra ver se o grande satélite da Nasa
Consegue nos enxergar
Saber que somos capazes de grandiosidades
Dar valor a nos como se da a um belo quadro de da Vinci
Deixar de ser um pântano com anacôndas devoradoras de gente
 Um país tropical de mulheres morenas de peitos e bumbuns fartos
Dispostas a acolher calorosamente os forasteiros que vem de longe
Vindos por conhecer a fama de que o
Brasil é um país calorosamente acolhedor
E virar uma grande potência mundial
 Dar na cara da grande mãe Europa
Mas o que fazer?
Brasileiro não desiste nunca!Ou permanece no mesmo erro?
Crescer para trabalhar? Ou trabalhar para crescer?


Ainariel
Enviado por Ainariel em 24/08/2007
Código do texto: T622399
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Ainariel
Salvador - Bahia - Brasil, 26 anos
1 textos (18 leituras)
2 áudios (117 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 10:54)
Ainariel