Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Desavenças

Algo insiste em tirar meu sossego
Em atordoar meu espírito
Uma bomba,
quem sabe...
Pode ser gente da gente
Pode ser algum estrangeiro
De onde vem
Não importa,
Nem quem...
A verdade é que
Palavras soltas,
jogadas ao vento,
proferidas no calor do momento,
machucam,
cortam
ferem,  como lâmina afiada.
Reduz tudo ao nada
Desmorona e tira do trilho
O que parecia
Seguir rumo certo
E então...
Que direção é a correta?
O orgulho da afirmação...
A incerteza da resignação...
A pequinês da própria existência...
A grandeza da nossa essência...
Algo insiste em tirar meu sossego
E eu não sei se respiro
ou se me fecho no medo...

Nati
Enviado por Nati em 26/08/2007
Código do texto: T624384

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Nati
Nova Friburgo - Rio de Janeiro - Brasil, 40 anos
12 textos (614 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 06:43)
Nati