Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

para você que nunca amou

você é um tipo de gente muito comum , que morde a lingua em pré julgar coisas, que despreza formas e maneiras pra te agradar;
só eu mesmo pra te desculpar;

você vai sempre me enganar;porque parece ser verdade
com esse seu ar falso de querer bem ;
você não pode ver o valor de ninguém, enchergando só uma metade;
Se você me encontrar por aí chutando o nada , revoltado;
é por que naõ tenho sorte no amor , e por isso ajo que nem mau criado;

será que eu sou um cara certo ou não ; com o meu pensamento  , que voa pelo chão?
onde estarei no claro ou na escuridão?
pra tudo existe um nada em se perder por alguém que se ama;
eu sou um cara vazio querendo o quente nas noites de frio deitado na cama ;

você cuida de mim eu não vejo nada vivo ao redor do meu quarto ;
eu sou um cara egoísta e ruim esperando a mão que vai me mudar e os avisos certos pra me guiar ;
sei que um dia vou encontrar talvez do outro lado da rua ou nos avisos da lua;

são sonhos que eu tenho acordado ;em ser um cara amado;
eu sou um ser redículo por amar as luzes do céu ;
e as luas brancas sem véu;

As horas que guardo de bom são eternas ;
É incrível pra mim você  achar que romantismo é coisa da idade das cavernas;

são as pernas que acompanham um poeta na solidão ;
vocês não mudam em nada;
e eu também não.

Mas falar da vida é maneira de alerta-los sobre todas as feridas , que criam caminhos e cicatrizes de dor , por você ser pequeno ;
ou seja, pra você que nunca amou.
paulo manuel silva
Enviado por paulo manuel silva em 01/09/2007
Código do texto: T633898

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
paulo manuel silva
Belém - Pará - Brasil, 27 anos
367 textos (8920 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 19:30)
paulo manuel silva