Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

saudade

Sinto falta de passear nos jardins
O céu era verde sobre o gramado,
Hoje nem céu e nem gramado se encontra, está tudo poluído, a água Que era dourada, hoje esta imunda Fora as que secaram; o guarda-civil  Que sorria, hoje tem medo de andar só, Por causa da violência que esta ao seu redor.

Faz faltos os pássaros que aqui voavam.
O mundo inteiro, do Haiti ao Iraque está em guerra,
Nada mais está em paz.
As crianças que aqui olhavam para o céu: hoje são adultos
Que destroem nosso mundo. A boca, o nariz, os olhos que estavam abertos sem perigo. Estão agora nos hospitais por causa da poluição.

Os perigos que antes eram a gripe, o calor e os insetos. Hoje nem se comparam as guerras, a poluição, a fome, aos vírus e principalmente as doenças venéreas.
Antes tínhamos medo de perde os bondes, hoje temos medo de pegar os aviões, de anda de carro e até sair na rua.
Cartas que custavam a chegar, agora não são mais usadas, pois o mundo on-line já tomou de conta.
Antes nem sempre se usava vestidos novos, hoje nem nisso se falar temos preocupações bem maiores. Naquele tempo havia jardins, havia paz, hoje só saudade de um tempo que passou e não volta jamais.

misma
Enviado por misma em 11/09/2007
Código do texto: T648344
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
misma
Boa Vista - Roraima - Brasil
3 textos (430 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/10/17 17:33)
misma