Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Vivo

Eu me acostumei a sonhar,
E jamais deixei de acreditar,
Que meu destino era passar por isso mesmo,
mas essas coisas não me abala !!!
Eu não esperei por niguém, também
não as magoei,acredito eu !!!
O meu coração já conheçe as mágicas da vida...
O coração meio dicíl de enteder... errar é facílimo , difícil é fazer o certo, quero agora que a vida me ensine "o" certo, porque é ela é uma grande escola,vou prestar bastante atenção nas crianças elas são bons professores, poço demorar pra aprender, posso até não aprender... mas a vida é assim  nem tudo se aprende...
Tem coisas que levam a eternidade pra entrar em algumas caxolas !
Fâél Roccha
Enviado por Fâél Roccha em 17/09/2007
Reeditado em 04/05/2009
Código do texto: T656813

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fâél Roccha
Guarulhos - São Paulo - Brasil, 27 anos
28 textos (2287 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 11:07)
Fâél Roccha