Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ferramentas emocionais à mão. Manutenção Sentimental!

Apague a luz e feche a porta.
Porque hoje eu vou chorar
Hoje até amanhã de manha.
Então, desligue o celular e me deixe aqui.
Eu vou mergulhar no desconhecido
Vou lá para me buscar
E quando voltar eu  quero tudo.
Tudo que não tive por não ser uma pessoa melhor.
Apague a luz e deixe a fresta da porta aberta.
Eu preciso sentir o vento entrar
Eu preciso  me embebedar do que sou
Para não precisar de mais nada nessa vida.
Fecha a porta. Desligue o celular e deixe a luz acesa.
Eu tenho medo do escuro e dos meus fantasmas.
Eu tenho medo do que eu possa vir a me tornar.
Então, por favor, esqueça tudo e desligue somente o meu celular...

Existe textos  que eu só escrevo sobre o assunto depois que pára de doer. No caso desse daí, não sei se chegou a doer algum dia (ou se ainda eu vou sentir dores profundas) quero viver uma história que não da p/ viver por um milhão de motivos, mas eu quero. Eu preciso viver... Necessidade... Bjusss e uma semana poética p/ todos!
Sidneya Maximiano
Enviado por Sidneya Maximiano em 07/10/2007
Código do texto: T684776

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Creditos validos a Sidneya Maximiano). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Sidneya Maximiano
Ouro Preto - Minas Gerais - Brasil, 30 anos
6 textos (274 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 21:06)
Sidneya Maximiano