Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

... Nem sei mais ...

Quanda percebi o meu coração já era seu...
Quando eu ao menos esperei você abraçou protejendo  de mim mesma
dos meus maus pensamentos, dos meu desejos insanos e interrompidos por um abraço,
queria eu ter beijado a sua boca
beijado o seu corpo, ter-la em fim...
Mais eu ainda tinha alguma coisa dentro de mim... que não me permitiria tamanha
satisfação e loucura... Procurei resolver-me em fim, descobrir os meus
misterios, minha limitações,
meus medos, e fulgas de mim, talves?
e quando descobrir que o meu desejo era sincero,
o que mais parecia uma louca paixão, joguei
para o alto o que não tinha mais...
o que não era mais meu, ou melhor era meu, mais a mim não pertencia mais...
deixar-me ei para tras com os medos e privações, mergulhando em
um poço fundo de fraquesas e delitos e de uma eterna tristeza...
Mas amar-te é o que eu mais queria, permitiria a mim.

28/08/2007 Criado
Taís Fraga
Enviado por Taís Fraga em 17/10/2007
Código do texto: T698232
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Taís Fraga
Salvador - Bahia - Brasil, 30 anos
59 textos (5017 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 19:22)
Taís Fraga