Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Memórias...

Lembranças simples
Traços pouco curvos
Cores nada incomuns
Gestos normais

Consomem minha mente
Mergulham-me, até afogar
Como num infinto oceano
De memórias intermináveis

Nas mais simples coisas
Puseram a chave da minha mente
E passeam livremente
Como na cabeça de mais ninguém

Muitas vezes não entendo
Porque coisas tão simples
Vêm à tona tantas vezes
E insistemente, aqui vivem

Minhas memórias, cercando-me
Contruíraram em mim
Uma fortaleza inviolável
De onde parece impossível fugir

Fecho os olhos por um instante
E consigo ver tudo de novo
Mas como num filme de suspense
Mesmo memórias parecem imprevisíveis

Elas sobrevê-me aos montes
Como ondas tempestuosas
Não é possível impedí-las
Não é possível contê-las

Intensas como são
Inevitáveis como provaram-me ser
Dizem-me que aqui reside vida
Fazem meu sangue ferver
Mantêm vivas minhas emoções

Minhas fortes e simples memórias
Dizem-me o que sinto
O que sinto dentro de mim mesmo
O que sinto e quanto sinto por ti.
Leonardo Sammy
Enviado por Leonardo Sammy em 17/11/2007
Reeditado em 29/10/2013
Código do texto: T740828
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Leonardo Sammy
São José dos Campos - São Paulo - Brasil, 29 anos
83 textos (5128 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 19:10)
Leonardo Sammy