Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um Natal com igualdade.

O homem elevada criatura
A mulher tem qualidade
Da proporção do homem
Essa uma realidade
Os direitos são iguais
Para ambas afinidades.

O homem é o cérebro
A mulher o coração.
O cérebro conduz
Domina com precisão.
No coração fecunda amor
E brota a paixão.

O homem é um gênio
A mulher um anjo.
O desejo do homem
A conquista do anjo.
O sonho da mulher
Ter consigo um Arcanjo.

O homem tem a supremacia
A mulher a preferência
Sem nada impedir
No semblante a paciência
Aliada a sensualidade
Vence com sapiência.

O homem é forte com a razão
A mulher invencível com lágrimas
Seu pranto nos comove.
Uma mentira máxima
Dizer que homem não chora!
Homem também possui lágrimas.

O homem é capaz de heroísmos
A mulher de martírios.
O heroísmo enobrece
O martírio revela o brio.
O homem e a mulher
Enfrenta desafios.

O homem é um templo
A mulher um sacrário.
Convém a meditação
Usando o imaginário
Homem e mulher
Reservam um horário.

O homem é um oceano
A mulher imenso lago.
Lenda ou mistério
Navegando em afagos
Vemos o deslumbramento
Encanta até fidalgo.

O homem é águia que voa
A mulher rouxinol que canta.
Voar é ter domínio.
Cantando os males espanta
Uma melodia feminina
Todo homem se encanta.

Feliz Natal
a todo mortal.
José Humberto da Silva
Enviado por José Humberto da Silva em 30/11/2007
Reeditado em 28/12/2007
Código do texto: T759360
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José Humberto da Silva
Sales Oliveira - São Paulo - Brasil
836 textos (33710 leituras)
1 áudios (133 audições)
1 e-livros (85 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 08:19)