Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

POESIA DE NATAL

Queria te escrever constantemente,
dizer palavras do meu coração,
buscar sentido, encontrar razão,
falar besteira, calma e ternamente.

Queria te dizer que ando contente,
mas a saudade vem na contramão
e que a poesia me espanta a solidão
que vem no ocaso e vai no sol nascente.

Queria ter freqüência nesse hábito,
mas o tempo não é muito favorito
e às vezes me faz falta e passo mal...

Porém, nesse momento mais fraterno,
o tempo sobra  e parece ser eterno
pra desejar-te o mais Feliz Natal.

Marcos Maia
Marcos Maia
Enviado por Marcos Maia em 24/12/2005
Reeditado em 24/12/2005
Código do texto: T90177
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marcos Maia
Brasília - Distrito Federal - Brasil
49 textos (2511 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 09:59)