Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SEM SABER

Não sei se o destino
foi o culpado
ou se o acaso
promoveu o desatino
Não sei ao certo
o que sinto
Sei apenas
que em teus braços
badalam os sinos
cantam os pássaros
estremece meu corpo
dança minh'alma
Sei somente
que teu beijo
lembra-me o passado
e me apresenta
o doce sabor do presente
Do futuro também não sei
mas não tenhas medo
meu beijo tem só uma gota de veneno
para do receio
nascer a coragem
e fazer-te saltar
rumo ao desconhecido
onde sozinha passeio
por conta do destino
ou por culpa do acaso.


2.Fev.MMIV
Manoela Franco
Enviado por Manoela Franco em 03/02/2006
Reeditado em 09/05/2012
Código do texto: T107533

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Manoela Franco
Feira de Santana - Bahia - Brasil, 34 anos
56 textos (3126 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 15:58)
Manoela Franco