Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A COR DO MEDO


 Algo que vem e arrepia
 Cai a tempestade
 Invade o ser soberano
 Atormenta> Entristece.
 Chega a dar medo
 Chega a hora e a ansiedade fica alvoraçada.
 Na esperança de que tudo possa correr bem
 Tudo isso chega a machucar
 Dói no peito, é uma dor incontrolável.
 A solução para tudo isso parece que nunca vai chegar
 É uma experiência que parece ter começo e não fim
 Mas todos continuam em busca desta felicidade, e quem sabe  chegará a onde se pensa.
 Sem mágoa, sem rancor e por fim, tudo ficará numa boa.
 É o que todos esperam.
Izelias
Enviado por Izelias em 27/02/2006
Código do texto: T116813
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Izelias
Macapá - Amapá - Brasil, 36 anos
12 textos (283 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 14:15)
Izelias