Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ELOGIO DO SOL

Ao bom Deus eu agradeço
Cada dia, o teu nascer.
Iluminas o meu lar
Bem cedo, ao amanhecer.

Só tu és fonte de vida
De tudo o que nos rodeia.
Agradece ao Nosso Pai
A missão que formoseia.

Dás calor, dás alegria,
Enquanto Deus o quiser.
Investes na Natureza,
Em cada um e qualquer.

À tardinha tu descais
Na rota do teu poente.
Cresce a saudade e o desejo
De te rever novamente.

Vais brilhar no outro lado
E acalentar outros lares.
Toda a Terra roda enfim
Pra todos acompanhares.

E o dia sucede à noite
Em ânsia bem conseguida.
Deus vele sempre por ti,
Astro-rei da nossa vida!

Lisboa, 26.02.06
Maria da Fonseca
Enviado por Maria da Fonseca em 03/03/2006
Código do texto: T118108
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria da Fonseca
Portugal
143 textos (3621 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 08:34)
Maria da Fonseca