Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

mito do porvir(verso)

Vem surgindo no fim do céu
uma ponte entre nós e o mundo
mas é turvo o encanto que vai
sempre ao léu, verdejar a fundo

mas o preto velho já dizia
de que nos vale atravessar
são tantas mentes, ousadias
Será um sonho a mais a acabar

logo que o dia raiou no outono
surgiu-nos a ponte da nova dor
em que o fim de um dia longo
fizeste nascer uma nova flor

mas o amanhã nunca foi ontem
nem nunca será
pois no fim do próximo inv(f)erno
como sempre hoje será



Gabriel Carvalho
Enviado por Gabriel Carvalho em 21/04/2005
Reeditado em 21/04/2005
Código do texto: T12394
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gabriel Carvalho
Salvador - Bahia - Brasil, 27 anos
17 textos (1443 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 02:19)