Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto


          CIÚMES...

Seria o calcanhar de Aquiles de quem ama?
É remédio com receituário sem tarja vermelha para não criar dependência
Ingerido em doses homeopáticas e bem aferida para não criar ferida que inflama?
Porque um erro pode ser letal e aquilo que era amor transforma-se em impudência

Não neguemos: é um condimento que, ausente, torna a comida insulsa
É sábia a pessoa que conhece a medida:em demasia, deteriora o alimento
E, como conseqüência, contamina todo o ingrediente e lhe instila repulsa
Como existem pronomes possessivos, quem sabe manipular a dosagem a contento?

Ciúme... Cinco letras que contêm perigoso veneno e requer permanente sentinela
Se há indiferença e se é fria a temperatura, acende a luz vermelha
Se se torna tépida, pode sinalizar perigoso aceno de que é necessária cautela
Porém, se há tanto ardor que provoca asfixia, até quando dura a centelha?

Estamos diante do maior inimigo do amor se damos um falso passo
Inda que aparente, mas com indícios de veracidade, colocando em xeque a confiança
O ciúme é ínsito ao amor e é bom quando não sufoca e ambos respeitam seus espaços
São faces de uma mesma moeda, porém se entram em conflito, adeus segurança...
nvelasco
Enviado por nvelasco em 22/03/2006
Código do texto: T127048
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
nvelasco
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil
83 textos (2618 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 22:32)
nvelasco