Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Desculpas

Desculpe-me se fui grosseiro,
Insensível ou descortês...
Não ache que fui matreiro,
Ou que usei de altivez...
Perdi-me entre problemas e trabalhos,
Perdi a hora, perdi a vez...

Esqueci-me de te dar atenção...
Espero que entenda,
Não se ofenda,
E que dê o perdão.

Diga-me como acertar,
Esta falha imperdoável...
Ter feito alguém tão especial esperar,
É realmente algo muito lamentável.

Ofereço o pedido de desculpas por escrito,
Guarde para em outros momentos reler.
Para que não fique o dito pelo não dito,
E para que em outra oportunidade possa valer...

Afinal, tão boa companhia, é tudo que se pode querer.
E eu quero sempre reconhecer a tua importância.
Certamente o que tinhas e tens a me dizer,
Era e é sempre de valiosa e grande relevância.

Sinto-me sempre estimado,
Com teu interesse em me falar.
Tenhas-me sempre ao seu lado,
Mesmo quando ao teu lado eu não possa estar...
Mesmo se estiver calado, afastado...
Tudo de positivo, de longe ou de perto, sempre irei lhe desejar...
Nagredla
Enviado por Nagredla em 05/04/2006
Código do texto: T133997
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Nagredla
Miguel Pereira - Rio de Janeiro - Brasil, 51 anos
233 textos (49740 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 15:54)
Nagredla