Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Porque Virás


Quero a manhã dos sonhos despertos
Um tom ainda de magia no arrebol
E sentir o cheiro da saudade
Trazido pelas minhas mãos
Que pensam carícias
E será assim que virás
E me encontrarás lânguida
Espreguiçando o meu corpo
Na lembrança das tuas mãos
Neste dezembro, o dia sorrirá
E os olhares da memória
Não mais precisarão
Descobrir-me em sussurros
Entregues à brisa silenciosa
Em que soprava a espera

Em teus braços, a vida cumprirá
O desígnio de eternidade
E como se soubéssemos o rumo
E eu sempre houvesse existido
E tu sempre estivesses aqui
Acariciaremos todas as manhãs
Alvorecidas de acácias, hibiscos e lírios
E escutarei de manso, tão manso
O brando deslizar dos teus dedos
Tecendo a vertigem de cada fio
Com a qual bordarás a minha nudez...

© Fernanda Guimarães
Fernanda Guimarães
Enviado por Fernanda Guimarães em 15/04/2006
Reeditado em 25/08/2008
Código do texto: T139442

Áudio
Porque Virás - Fernanda Guimarães
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Fernanda Guimarães
Fortaleza - Ceará - Brasil
430 textos (64357 leituras)
9 áudios (1782 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 12:56)
Fernanda Guimarães