Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Estrela do oriente

Estrela solitária do oriente,
de constelações ausente,
desceste do firmamento
em candente movimento ...

... orbitando em minha alma,
uma gravidade que acalma,
com meiguice e alto-astral
em luz diáfana celestial.

De estrela se fez mulher,
uma flor de bem-me-quer,
a colorir o meu jardim
e pelo cosmos sem fim.

Meu brilho se apagara,
o sol era coisa rara,
me perdi na solidão
de sideral imensidão.

Sob o luar que ilumina
com energia feminina,
não havia na noite fria
sequer uma estrela-guia.

Descobri o meu norte
desde então até a morte;
juntos encetamos a missão
atribuida pelo coração.

Não somos deste planeta;
embarcaremos num cometa
para em infinitas viagens
cultivar novas paragens.

Brasília, 20 de abril de 2006
Humberto DF
Enviado por Humberto DF em 21/04/2006
Reeditado em 22/12/2007
Código do texto: T142672
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Humberto DF
Brasília - Distrito Federal - Brasil
121 textos (23812 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 01:53)
Humberto DF