Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ociosidade

Tenho o tempo que não tenho.
O tempo leva ao nada que tudo quero...
Não faço o que não desejo,
faço o que o tempo destempera.

Se não quero, fico o tempo
a nada fazer, apenas olhar...
Olho o nada, o desfazer,
a vida a correr, a passar
sem gritar,
chorar,
olhar...

Sem tempo imposto,
sem ordens expressas,
sem motivos para usar o tempo.

Apenas faço ou desfaço,
falo,
calo,
descubro o nada.

Espreguiço e adormeço
na rede,
na cama,
no chão...

Tempo escasso...de horas
por nada fazer;
comer,
beber,
dormir,
sonhar,
despertar...
Às vezes é preciso
a tal ociosidade.
Anna Müller
Enviado por Anna Müller em 30/04/2006
Código do texto: T147682
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Anna Müller
Boa Vista - Roraima - Brasil, 52 anos
89 textos (4244 leituras)
11 áudios (4397 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 06:00)
Anna Müller