Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Vôo infinito...

Uma andorinha voa por paragens distantes...
Seu vôo demarca o horizonte infinito
Perfeitamente emoldurado por nuvens carregadas
No céu, o sol se põe entre cores tantas.

Vendavais arrastam destroços oriundos
Dos quatro cantos do mundo
Ferida gravemente em suas asas
A andorinha deposita seu corpo no mais alto galho
de uma árvore frondosa

Observa de longe o ir e vir do vento bravio
Entende e respeita o furor da natureza
Compreende a transitoriedade de seus ferimentos
Aguarda pacientemente as horas necessárias

Noites e dias sucessivos...
Sangue, dor, alívio.
Asas outrora feridas são agora suas aliadas.
Mais um vôo rasante se projeta...
No intenso azul do eterno viver.
Angela Leite
Enviado por Angela Leite em 30/04/2006
Código do texto: T147991

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Angela Leite
Arapiraca - Alagoas - Brasil
148 textos (41850 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 16:36)
Angela Leite