Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Hoje

"O sol se esconde atrás (ou dentro) dos prédios
e deixa à minha vista embaçada
apenas um rosa quase comestível.

Terá minha vista cansado-se da beleza?

As águas estão de novo calmas
e eu me lembro dela menos do que esperava.

Um silêncio harmonioso de cantos de pássaros se instaura em mim;
nem mesmo o som dos carros (que ouço)
tem coragem de tirar o silêncio de mim.

Uma tarde de amores (não meus),
de beleza, serenidade e silêncio...

há silêncio em meu coração...

não em meus pensamentos...

mas ainda sou humano o suficiente
para aproveitar um dia de beleza, serenidade,
amor

Paz."
Diego Filipe Araujo Alcântara
Enviado por Diego Filipe Araujo Alcântara em 03/05/2006
Código do texto: T149337
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Diego Filipe Araujo Alcântara
Camanducaia - Minas Gerais - Brasil, 31 anos
152 textos (7338 leituras)
7 áudios (2204 audições)
1 e-livros (167 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 06:30)
Diego Filipe Araujo Alcântara