Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Esquina de solidão...

Um vazio que inunda meu ser
Um atalho para a dor
Estradas emaranhadas, doloridas
Vazias no anoitecer desfigurado
No tormento do meu eu

Sonhos idealizados
Realidade voraz
No pérfido alvorecer
Da dor que não se desfaz

Cada dia uma melancolia
Cada hora uma tormenta
Cada minuto brotando lágrimas
Cada segundo deixando cicatriz

Dias de dor
Alma em clamor
Esperança e dissabor
Calma, desilusão
Resta a solidão

Insiste, persiste
Deixando amargor
Cruel dissabor
Acalento sem amor
dor

Angela Leite
Enviado por Angela Leite em 06/05/2006
Código do texto: T151542

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Angela Leite
Arapiraca - Alagoas - Brasil
148 textos (41855 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 02:53)
Angela Leite