Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Rumo

Sento sobre o espelho de minha vida
Perco o sentido de imensidão
Sombras me abraçam suavemente
No eu interior de tantas árvores

Levanto os olhos sobre os sentimentos tardios
Peças douradas de reposição qualquer
Sinto o calor de lembranças nuas
Sentido voraz perdidos em noites frias

Ando na fresta de uma palavra calada
Atordoada pela força que me abastece
Luz se faz presente nos pés descalços
Retomo a estrada num eu avassalador!
Angela Leite
Enviado por Angela Leite em 11/05/2006
Código do texto: T154229

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Angela Leite
Arapiraca - Alagoas - Brasil
148 textos (41868 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 20:38)
Angela Leite